Um assunto pentelho…

  Vamos falar sobre pêlos. sim, pêlos! Um assunto tão enojado por garotas, que chega a ser tabu. E todos os tabus devem ser desconstruídos, correto? Pois bem, é preciso maturidade e desprendimento para discutir sobre isso. Já que a cultura do nosso país tem implantada na mente que “mulher boa é mulher depilada”, e não é a toa que existe até mesmo a depilação brasileira, que tem cada vez mais gringas adeptas. Não é a toa que somos populares por isso.

  Dentre os motivos para tal imposição, há os piores e mais preconceituosos argumentos. “Depilação é questão de higiene”, “homens não gostam de mulheres peludas”, e o tão usado… “Pêlos são nojentos”. Mas para a salvação das meninas que não se sentem a vontade com os métodos dolorosos e impiedosos em prol de uma pele sem os nossos velhos amigos, para cada tese, há uma antítese muito mais coerente!

  Primordialmente, depilação e higiene não tem quaisquer relações. As más línguas dizem que partes do corpo com pêlos atraem mais chances de infecções e odores, mas uma área depilada e sem a limpeza adequada não é mais higiênica que uma sem depilação, mas limpa corretamente. O acúmulo de sujeira e odores se dá devido às glândulas sebáceas, mas tal efeito pode ser evitado simplesmente com sabonete e água. Biologicamente, eles são nossa proteção natural, assim como nos animais.

  Os pêlos também são o terror de toda garota na cama, já que podem causar o mesmo terror no parceiro. Mas afinal, por que mulheres têm de se depilar e homens não? Já perguntou isso a você mesma? Ou melhor, já perguntou isso ao seu companheiro? É importante ter um relacionamento saudável em todos os sentidos, mas o verdadeiro conceito de um relacionamento saudável é considerar suas próprias vontades e individualidades também. A partir do momento em que determinados métodos de beleza forem insuportáveis para você, e passar por eles da mesma maneira, porque seu companheiro não te aceitaria de outro jeito… Acredite, é preciso pensar no velho ditado “melhor só do que mal acompanhada”.

  O nojo é só mais uma demonstração da pressão que a sociedade faz sob seu pensamento. Pois se enojar com os pêlos de outra pessoa é aceitável… Mas ter nojo dos seus próprios pelos equivale a ter nojo do seu corpo, o que não é nada legal. Afinal, nosso corpo é nossa casa, e com ele devemos estabelecer uma conexão sadia, sem preconceitos. Entender as necessidades do seu corpo é entender a você mesma.

  Bem, por fim, essa não é uma postagem dizendo que não deve se depilar, ou que deve. Essa é uma postagem para que os leitores do blog entendam, respeitem e amem cada parte do seu próprio corpo. Esse não é um pedido para que pare de se depilar, mas é um pedido para acabar com todo o preconceito contra pessoas que simplesmente escolheram conviver com seus pêlos e querem deixá-los lá. Consideramos lindo todo biotipo!

Anúncios

Playlist da semana: para curtir com as amigas

  O clima de férias combina adoravelmente com oportunidade para matar a saudade das velhas amigas, e manter contato com as que você vê durante o ano. O tempo livre deixa disponível muitas atividades legais, que podem ter uma boa playlist para acompanhar. Por isso, aí vão minhas dicas de música pra curtir com as amigas!

  • Wannabe – Spice Girls
  • Me and my girls – Fifth Harmony
  • I want it that way – Backstreet Boys
  • Best song ever – One Direction
  • Baby one more time – Britney Spears
  • Sugar – Maroon 5
  • Girls just wanna have fun – Cyndi Lauper
  • Flawless – Beyoncé
  • Tightrope – Janelle Monáe feat. Big Boi
  • Sgt Peppers Lonely Hearts Club Band – Beatles

Empodere-se do seu próprio corpo

befree

   “Mantenha-se sempre limpa, vista-se bem… Não mostrando demais, mas também sem se esconder demais. Se depilar é fundamental, e deixe os cabelos lisos… Afinal, cabelo duro não dá, né? Não se entregue na primeira noite, mas também não seja tão difícil, você não vale tudo isso” Esse conjunto de imposições tem feito uma geração de garotas amedrontadas. Consigo mesmas, com o mundo ao seu redor e com o mal que as pessoas podem fazê-las, ou a intensidade com que podem julgá-las se elas não estiverem de acordo com as malditas regras.

  E regras pra quê, enfim? Se na verdade, tudo se trata de quanto as empresas vão lucrar em cima da insegurança de outras pessoas. É preciso fugir daquela cúpula que utilizam para padronizar seu estilo de vida, é preciso desistir das linhas já escritas por outras pessoas para escrever as suas próprias. Garanto, é inseguro, porém confortável e libertador.

  Hoje em dia, vê-se com frequência pessoas querendo mandar em nosso peso, cabelos, medidas e vestuário. E por mais comum que possa parecer, essa ideia é mórbida e assustadora. É perceptível o número de garotas pirando freneticamente por uma simples estria, ou celulite que incomoda. É visível que existem garotas que modificam todo seu modo de vida em busca de acabar com as acnes, e que ao invés de investirem seu dinheiro em coisas que realmente gostam, os gastam tentando ficar mais bonitas.

  É lamentável a ideia de uma juventude prisioneira dos estereótipos, desesperada e alienada pela necessidade de se encaixar em algum lugar que sustente sua autoestima. Portanto, levante-se! Assuma quem você é de verdade e cada detalhe do seu corpo. Seja inteligente o bastante para não acreditar na gama de produtos que tentam de vender com a justificativa de “higiene” ou de que toda garota deve usar determinados produtos, porque não deve. Toda garota deve se sentir bem consigo mesma, deve ser sua própria deusa e se amar da cabeça aos pés. Não seja mais uma vítima!

Ensaio fotográfico: royals

  Na última terça-feira fiz um ensaio coletivo com alguns amigos amantes de fotografia, compartilhamos nossa experiência como modelos e fotógrafos, para aprimorar os conhecimentos e investir em algo que todos gostamos. Quero compartilhar o resultado com vocês! E para aquecer mais ainda essa tarde, um pouco de Lorde.

“Eu nunca vi um diamante ao vivo
Conheci anéis de casamento nos filmes
E não tenho orgulho do meu endereço
No subúrbio assolado
Que nenhum outro CEP inveja”

“Mas todo mundo só fala de champanhe, carrões

Diamantes em seus relógios

Jatinhos, ilhas, tigres em coleiras de ouro

Nós não ligamos

Não estamos envolvidos no seu caso amoroso”

DSC_0143

E nunca seremos realezas

Isso não corre no nosso sangue

Esse tipo de luxo não é pra gente

Nós desejamos outro tipo de diversão”

DSC_0149

Primeiro vídeo do canal “toda de lua”

  Bem meninas, a novidade é que agora o canal tem um vlog! Semanalmente, falarei sobre assuntos do dia a dia, darei dicas para vocês e quem sabe ensinarei até mesmo alguns DIY’S. Para começar bem, iniciei com uma TAG super divertida, em que respondi 100 perguntas totalmente aleatórias. Espero que tenham curtido a ideia! Nos próximos vlogs, virei falando de alguns assuntos específicos. Enjoy it!

Operação: superar

  Disseram-me que se esquece um amor arranjando outro, e isso era tarefa fácil. Mas e quando você quer esquecer o tal amor, e ele simplesmente não sai de você? Quando o guarda apenas para os amigos mais íntimos e as súplicas mais profundas antes de dormir, mas ele permanece vivo e inconvenientemente intenso? Deveria haver uma linha tênue entre amar e sofrer, que separasse os verbos para nos dar a chance de senti-los um por vez. Mas essa é apenas uma ideia boba! Pois os dois juntos, unidos e misturados nos provam que o verdadeiro amor é aquele que te perturba, e mesmo assim você não enjoa. Não diz chega. E se ousar a dizer, é baqueado com a indiferença do seu coração para as ordens da sua mente.

  Ele é como um chefe petulante, que comanda as reações de cada partícula do nosso corpo. Os pensamentos compulsivos, as borboletas no estômago e até mesmo aquela pontada na espinha de ciúme, de raiva. Torna-se difícil manter a calma e a sanidade, pois tudo aponta para um precipício de onde não se sai intacto. Assim se definem as sensações! O começo é doce, o meio é intenso e o final… Doloroso.

  Também dizem por aí que a passagem entre amar ou sofrer um dia chega em seu destino final, onde os sentimentos viram cinzas e nada mais se lembra. Você pode passar por essa viagem gritando de dor ou fingindo que ela não existe, em cima de um salto quinze, divertindo-se com seus amigos. É a sua vida, sua escolha.

Frutas que contribuem para a hidratação capilar

  Se há algo que aprendi com a transição capilar, é que não há cabelo duro ou feio, há cabelo mal cuidado. E para cuidar das mechas, não é preciso muito. Vejo garotas gastando todo o salário com produtos cosméticos e embora respeite tal costume, não compartilho do mesmo. Por que tero cabelo bonito e saudável precisa ser caro? Por isso, prefiro investir em processos caseiros, com ingredientes naturais que tem o mesmo efeito que o produto com o preço mais salgado da loja. Aí vão algumas dicas de frutas que fazem super bem para o cabelo!

  • Morango

O morango é rico em vitamina C, e fortalece os fios, causando-lhes firmeza. Além disso, ele pode proteger a raiz capilar da queda. O ácido do morango também pode ser associado a uma lavagem no cabelo, onde a fruta funcionará como um antirresíduo, retirando as partículas poluentes que vão parar nas nossas mechas durante o dia a dia.

  • Laranja

  A laranja contém propriedades adtringentes, e pode melhorar a textura do cabelo. Em uma hidratação, pode diminuir a oleosidade e a caspa, e por ser outra fruta com vitamina C, é um forte aliado para dar brilho ao cabelo.

  • Mamão

  O mamão possui vitamina A, que colabora com a renovação celular e recuperação dos tecidos, por isso, é um forte aliado para o crescimento do cabelo. Ademais, repara as partes danificadas do cabelo e combate o ressecamento.

  • Manga

  A manga é ideal para cabelos secos e danificados, mas faz bem aos mais oleosos também. Ela oferece maciez e repara as cutículas do cabelo.

  • Banana

  A banana é rica em potássio, que dá brilho e definição (alô, cacheadas!). Ela ajuda o cabelo a crescer, e pode restaurar as pontas também. Bem, algumas línguas dizem que essa hidratação é extremamente difícil de tirar depois, mas também alegam que vale a pena ter paciência, pois o resultado compensa.

  Essas são alguma opções para hidratar o cabelo. Lembrando que elas podem ser associadas à alguma máscara de hidratação, e também outros componentes como óleos, vegetais e especiarias, fazendo uma hidronutrição. Basta pesquisar, pois alternativas para deixar o cabelo lindo e saudável não faltam, e não é preciso gastar muito para isso. Lembrando que há a possibilidade de determinada fruta ter o mesmo resultado em todos os cabelos, essas variantes aleatórias existem e não podem ser ignoradas. Mas isso, é questão de encontrar o que seu cabelo gosta, e até lá, ir testando produtos e ingredientes diferentes. Recomendo as tentativas!